// está leyendo...

Videos

[Vídeos] El tránsito al socialismo en la nueva fase de la humanidad

Socialismo del Siglo XXI. Conferencia pronunciada en las "XII Jornadas Independentistas Galegas", en abril de 2008. Primeira Linha

Parte I

Parte II

Parte III

Sobre Iñaki Gil de San Vicente

Iñaki Gil de San Vicente nasceu 18 de Setembro de 1951 em Donostia, capital de Gipuzkoa, Euskal Herria.

Um dos seus primeiros textos longos, Contra eurocomunismo: revolución, foi publicado a inícios dos ’80 por Ediciones Vascas de Donostia. Naquela altura era articulista do diário La Voz deEuskadi dirigido por Pepe Rei, até que fechou por asfíxia económica, e no EGIN, diário no que colaborava semanalmente fazendo comentários de livros de ensaio até que foi fechado.

Também intervinha semanalmente num programa aberto de debate e comentário geral em EGIN Irratia até que foi fechada.

Quando abriu GARA siguiu com artigos e também comentários de ensaios.

Tem publicados artigos de opiniom em jornais escritos em espanhol, francés, alemám, italiano, inglés e galego.

Tem publicados inumeráveis ensaios e estudos, destacando um dos primeiros análises críticos sobre o Tratado de Maastricht e a construçom europeia publicado por Editorial Vosa de Madrid. Em Basandere Anderea de Donostiapublicou sobre cultura e identidade basca, e outro em euskara sobre os Manuscritos sobre economia e filosofía de Marx. Aa editora IPES de Bilbao publicou estudos sobre história basca e sobre as relaçons entre o individual e o colectivo em Marx. A editorial do colectivo Boltxe publicou várias obras, entre elas umha sobre o fundamentalismo cristiao, que se está actualizando para fazer umha reediçom no CAUM-Clube de Amigos da UNESCO- de Madrid, e também sobre globalizaçom e imperialismo, sobre as teorias de Arrighi a respeito da evoluçom do capitalismo, etc.

Em galego tem publicado em Abrente Editora Aprender e atrever-se a pensar bem (2002); Ascategorias marxistas e a definiçom da globalizaçom como fenómeno e forma actual do capitalismo (2002); Capitalismo e emancipaçom nacional e social de género (2005).

Com o desenvolvimento da Internet tem dado prioridade às ediçons electrónicas, ao uso da Rede como o melhor sistema para democratizar e socializar o conhecimento, ao ser contrário à tese de propriedade intelectual, defendendo o pensamento colectivo. A sua primeira Web foi www.basque-red.net até que foi fechada polo Governo do Canadá, onde estava o servidor, por razons políticas. Agora o grosso dos seus textos recentes, mais de cinquenta, estám disponíveis en www.lahaine.org; também tem janelas en www.boltxe.info, en www.rebelion.org, e em www.losindependientes.com encabeçando o primeiro lugar numha lista com autores como León Trotsky, Antonio Cramsci, Noan Chomsky, Fidel Castro, Che Guevara, Carlos Mariátegui, Mella, James Petras,Inmanuel Wallerstein,Toni Negri…

Outras muitas páginas Web penduram regularmente textos seus como www.insurgencia.org, www.sigloxxi.com, www.lafogata.org, www.indimedia.org, www.kaosenlared.org, e um longo etc.

Também cumpre cmencionar a http://es.geocities.com/ciencia_pop… à difusom crítica da ciência, na que tem publicado em vários capítulos um longo texto intitulado “Algunas consideraciones sobre ciencia, tecnología y emancipación”. Nesta web também aparecem textos de autores da talha de Prigogine, Oparin, Carl Sagan, Stephen Jay Gould, Stphen Hawking, Asimov, St. Weimberg, etc., e vários Prémios Nobel; os editores desta Web comunicárom que vam pendurar outro texto seu sobre o mesmo tema escrito a petiçom da Universidade do País Basco de Gasteiz: “Algunas relaciones entre capitalismo, globalización y tecnociencia”.

http://www.lahaine.org/index.php?p=40802